• CMIW

Missões em Fluxo

por Jay Matenga


Nos últimos meses, comentei as implicações do COVID-19 para missões usando um olhar oceânico. Especificamente, aqui [https://jaymatenga.com/navigating-waves/] e aqui [https://jaymatenga.com/different-boats/]. Investi também em "reimaginar" a Comissão de Missão da Aliança Evangélica Mundial usando metáforas marítimas, vendo-a como um ancoradouro em um porto seguro. Além do fato de eu morar em uma nação insular no Pacífico Sul, considero as metáforas marítimas úteis em uma época marcada pela VUCA (sigla em inglês): Volatilidade, Incerteza, Complexidade e Ambiguidade - e isso mesmo antes de sermos atingidos pelo tsunami COVID-19. Se os líderes e organizações de missões não entenderam o que processos "ágeis" significavam antes da pandemia, certamente deveriam entender agora! Neste momento, simplesmente não há terreno sólido abaixo de nós.


No meu post mais recente no blog [https://jaymatenga.com/room4new/], cito o economista e estrategista de mudanças Thomas Friedman, que disse: “Apenas uma crise (real ou percebida) produz mudanças reais. Quando essa crise ocorre, as ações tomadas dependem de ideias espalhadas”. Continuo comentando que "as ideias espalhadas" em missões parecem estar disputando o domínio neste momento limiar. Parte do meu trabalho como líder de uma grande e ampla rede de missões é permanecer informado (o melhor que posso) das conversas e preocupações dos líderes de alianças, de redes e das agências, bem como da "conversa" entre missiologos, estrategistas, e criadores de problemas, brincadeira, quero dizer inovadores. Como as organizações missionárias mudarão após a pandemia ainda não está totalmente claro, mas muitos acreditam que Deus está nos dando um sinal de alerta. Uma líder compartilhou recentemente que essa experiência confirmou para ela que “Deus, sozinho, é o estrategista; estamos todos apenas participando". Estamos sendo lembrados de que estamos envolvidos na Missão de Deus.


Há alguma expectativa para alem de toda a nossa coleta de dados, mapeamento, análise, estratégia e esforço, que o Espírito Santo varra as nações e leve as pessoas a Cristo em números e maneiras que não poderíamos ter esperado ou imaginado, muito menos planejado. Estes com tais expectativas apontam para o aumento significativo na oração global [https://weamc.global/covid-prayer/] durante este período como precursor de uma grande virada em direção o nosso Senhor. Basicamente, essa é apenas uma hipótese profética, mas um amplo sentido de um despertar espiritual global que se aproxima não deve ser rapidamente descartado. Com Deus, nada é impossível - mesmo quando as missões internacionais foram tão bruscamente interrompidas.


A tempestade COVID-19 está nos agitando, mas se acalmará e nós vamos desembarcar nas margens de uma nova terra em uma nova era de missões pela frente. Os obreiros focados em informações para missões precisarão ficar de olho no que surgir, porque os líderes das missões desejarão bons dados para trabalhar. Boas informações nos ajudarão a discernir para onde o Espírito está se movendo. O discernimento sábio das boas informações ajudará a criar narrativas coerentes para orientar as táticas das missões nos novos padrões normais (plurais) que a Igreja enfrentará. Em vez de confiar em suposições e objetivos antigos, precisamos perguntar novamente, quais são as novas necessidades, onde devemos priorizar, qual a melhor forma de investir nossos recursos? O tempo todo, comprometendo-se com #continuamosnamissão.

Saiba mais em www.globalcmiw.org.

Texto publicado na terceira edição de 2020 do boletim “O que você acha?”.

Um boletim trimestral da Comunidade Global focada em Informações para Missões.

8 visualizações
Entre em contato...

OU nos envie um e-mail

RodrigoTinocoBR@gmail.com

WhatsAPP: +55 (61)9-9966-4046

website antigo aqui.